quarta-feira, 17 de maio de 2017

Interpretação: The Neighbourhood "Afraid"



Sempre gostei de procurar interpretações de músicas, isso porque na maioria dos casos a interpretação de uma música fala muito mais sobre quem a interpretou do que sobre quem a compôs. Mas percebi que eu mesmo nunca escrevi a interpretação de nenhuma música. 

Hoje eu escolhi tentar decifrar a musica Afraid, da banda The Neighbourhood. 

When I wake up I'm afraid,
somebody else might take my place
When I wake up I'm afraid,
somebody else might take my place

A música começa com o eu lírico falando que ele tem medo de que, ao acordar, alguém tenha tomado seu lugar. Mas pelo que pude entender o “alguém” é, na verdade, ele mesma vivendo uma interpretação de si próprio para agradar outrem.

Make that money, fake that bunny, ache my tummy
On the fence, all the time
Paint junk honey, face so sunny, ain't that funny
All my friends always lie to me
I know they're thinking

Então ele expressa uma rotina padrão forçada, que claramente não agrada o eu lírico, fazendo-o revirar o estômago de tão duro que está sendo para ele manter essa mentira. 

You're too mean, I don't like you,
fuck you anyway
You make me wanna scream at the top of my lungs
It hurts but I won't fight you
You just suck anyway
You make me wanna die, right when I?

Nessa estrofe ele revela nos primeiros dois versos o que as pessoas ao redor dele pensariam dele caso ele não mentisse o tempo inteiro. Já a partir do terceiro verso é uma resposta dele em pensamento para essas pessoas. 

Keep on dreaming, don't stop breathing,
fight those demons
Sell your soul, not your whole self
If they see you when you're sleeping,
make them leave it
And I can't even see if it's all there anymore, so

Aqui chegamos ao momento de esgotamento psicológico, ele pede para si mesmo manter as esperanças, e lutar pela própria vida porque ele não está mais conseguindo manter o seu verdadeiro eu escondido.

Being me and only me
Feeling scared to breathe
If you leave me then I'll be afraid of everything
That makes me anxious, gives me patience, calms me down
Lets me face this, let me sleep, and when I wake up
Let me breathe

E, finalmente, chegamos à conclusão dessa batalha interna dolorosa, a tradução literal já é bem simples, ser ele mesmo o faz ter medo até de existir, e se as pessoas que ele ama o abandonarem então ele terá medo de tudo, mas aí chega a parte que ele apenas pede espaço para se aceitar, independente do que pensarem a respeito disso, com as frases:

Deixei-me enfrentar isso, deixe-me dormir, e quando eu acordar
Deixe-me respirar.